Saúde

Como higienizar os cabelos corretamente em tempos de pandemia

Reprodução/Internet

A pandemia causada pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2) impactou a vida de cidadãos em todo o mundo. Temas como hábitos de higiene ficaram em evidência, pois são a melhor maneira de prevenir uma infecção, aliados ao isolamento e o distanciamento social. Enquanto não há uma vacina, os cuidados devem ser redobrados.

Nesse cenário, diversas dúvidas apareceram: o vírus permanece em tecidos, na sola dos calçados, nos cabelos e barbas? Lavar as mãos com frequência e tomar banho ao voltar para a casa são atitudes que garantem higiene e conforto. Assim, a sensação de ansiedade e medo de estar infectado diminuem consideravelmente.

Estudos revelaram o tempo de permanência do vírus em algumas superfícies, como plástico e papelão. Desde o início da pandemia fala-se sobre a importância de lavar as mãos, as roupas e deixar os sapatos em uma área separada ao voltar da rua.

Quais são as chances de contaminação?

Com o tempo, a preocupação dos cabelos como forma de transmissão da COVID-19 cresceu. É possível que o vírus fique nos fios se alguém espirrar ou tossir neles. No entanto, quando uma pessoa infectada tosse, as partículas caem rapidamente no chão.

Por isso, a probabilidade de contaminação nos fios se torna menor. Entretanto, isso não exclui o risco de acontecer. Para que uma pessoa se infecte dessa maneira, seria necessário colocar a mão nos cabelos contaminados e, logo em seguida, levá-la ao rosto.

Não é um hábito lavar as mãos depois de mexer nos cabelos, por isso, a chance de entrar em contato com as partículas infectadas e levá-las ao rosto existe. Ao higienizar as mãos com frequência, o risco diminui. Outra medida que pode ser adotada é manter os fios presos quando for necessário sair.

Como higienizar os cabelos?

Sabendo dos riscos de contaminação, fica evidente a importância de tomar banho e lavar os cabelos ao chegar em casa. A medida se torna ainda mais necessária para quem sai constantemente ou está em contato com pessoas infectadas. Veja como fazer uma higienização funcional dos fios.

Shampoo

O shampoo funciona de maneira similar ao sabonete, diminuindo o tempo de vida do vírus e é a primeira etapa da higienização. Assim:

- molhe os cabelos de forma abundante;

- coloque uma quantidade do produto nas mãos e espalhe;- comece a aplicação pela nuca, seguindo pelas laterais. Ao contrário do que muitos fazem, o topo da cabeça deve ficar por último;- durante a aplicação, massageie o couro cabeludo usando as pontas dos dedos. Depois, siga para o meio e a ponta dos fios,- exangue de maneira a retirar todo o produto e repita o processo. O ideal é passar o shampoo duas vezes.

Condicionador, máscara ou ampola

A segunda etapa é a de tratamento. Ela pode ser feita utilizando um condicionador tradicional, uma máscara de hidratação ou uma ampola. Nesta fase:

- depois de usar água em abundância para enxaguar o shampoo, retire o excesso de água com uma toalha;- aplique o condicionador, a máscara ou a ampola do meio para a ponta dos fios, no sentido do crescimento;- use um pente com dentes largos para alinhar os cabelos;- deixe o produto agir durante o tempo indicado na embalagem. Condicionador e ampolas costumam ter um efeito rápido, enquanto as máscaras devem permanecer por alguns minutos,- após esse período, basta retirar o produto com água.

Finalização

Muitas pessoas fazem a lavagem apenas utilizando o shampoo e o condicionador. No entanto, é possível fazer uma finalização e ter um efeito leave-in. Para isso:

- remova a umidade dos cabelos com uma toalha. Evite friccionar os fios. Tire a umidade envolvendo-os na toalha;

- aplique uma quantidade de leave-in adequada ao tamanho e o volume dos seus cabelos;- utilize um pente com dentes largos para alinhar os fios. Caso estejam embaraçados, deve-se começar pelas pontas, seguindo para o meio e, depois, o alto,- utilize um secador para finalizar ou deixe secar naturalmente.